Pastor Adelino Chilundulo jubilado após 48 anos de serviço

Com 78 anos de vida, dos quais 48 como pastor da Igreja Evangélica Baptista, passou a reforma no domingo (01.09), o pastor Adelino Manuel Chilundulo, primeiro angolano a presidir a Convenção Baptista de Angola.

Trabalho do Pastor Adelino Chilundulo e da esposa Augusta, foi reconhecido por diversas personalidades.

Trabalho do Pastor Adelino Chilundulo e da esposa Augusta, foi reconhecido por diversas personalidades.

A cerimónia que decorreu na Igreja Evangélica Baptista de Boa Esperança, no bairro Grafinil em Luanda, contou, além de membros da congregação, com a presença de familiares e Pastores. Testemunhos sobre a vida e obra do Pastor foram apresentados.

Convidado a pregar no evento, o Reverendo Ntoni-A-Nzinga, que baseou o seu sermão no livro de Salmos (128:1-6), destacou as qualidades do Pastor agora reformado e referiu que “nos momentos mais críticos” que a Igreja e o país viveram, ele soube interpretar “o temor a Deus”.

Bem aventurado é aquele que trabalha e faz coisas acontecerem, afirmou o pregador, que apontou o homenageado como uma pessoa que fez coisas acontecerem.

“Sabem que hoje estamos mais atrás de títulos do que de trabalho?” Questionou à congregação, respondendo de seguida que até Pastores, estão apostar mais nos diplomas do que no trabalho para serem bons Pastores. “O bem aventurado é aquele que tudo o que faz, algo vai acontecer, não para ganho pessoal, mas para ganho de todos”.

Reverendo Ntoni-A-Nzinga, destacou as qualidades do Pastor Chilundulo.

Reverendo Ntoni-A-Nzinga, destacou as qualidades do Pastor Chilundulo, que segundo afirmou, sempre se preocupou com a unidade da Igreja.

Ntoni-A-Nzinga, destacou ainda a preocupação que o Pastor Chilundulo sempre teve com a unidade da Igreja. 

“Em 1976, ele quando foi recebido pelo Presidente Agostinho Neto, veio à Luanda e me contou. Eu também lhe contei quando fomos recebidos pelo Presidente Neto. E a primeira ideia que veio na mente dele: Pastor Daniel, todos eles me chamavam Pastor Daniel, vamos fazer tudo para ver se os baptistas todos de Angola, sejam uma força.”

Prosseguiu dizendo que combinaram para fazer em Angola, a União de Igrejas Evangélicas Baptistas, ideia que não foi aprovada na Convenção Baptista, muito menos na Igreja que hoje se chama IEBA. “A unidade de gente que diz que todos estamos a trabalhar para Cristo, foi uma das preocupações dele e sempre nos convidar a falar.”

Revelou ainda, que nos anos 99/2000, quando voltou para Angola, “o velho Chilundulo” estava a trabalhar com diferentes organizações da sociedade civil. “Hoje vocês serão os primeiros a ouvir o que as Igrejas me disseram numa reunião. O CICA e a AEIA: Reverendo, você quer trabalhar para a paz, é na Igreja. Se for com a sociedade civil esqueça a Igreja, mas nós te queremos de volta na Igreja.”

O Pastor Chilundulo, disse, sempre foi um dos que lhe encorajou a não abandonar as organizações cívicas. “A unidade da criação de Deus é responsabilidade dos cristãos. Isso aprendi dele.” 

Familiares do Pastor e várias personalidades   testemunharam o acto.

Familiares do Pastor e várias personalidades
testemunharam o acto.

Sobre o Pastor

Natural de Cassongue, província do Cuanza Sul, Adelino Manuel Chilundulo nasceu aos 04 de Março de 1945. É casado a 48 anos com Augusta Chilundulo (66 anos), com quem teve 6 (seis) filhos, dos quais 3 (três) vivem. Tem 11 (onze) netos e 2 bisnetos.

Consta, que o seu primeiro emprego foi o de ardina (1958). Quando conheceu o fundador da Convenção Baptista de Angola (CBA), Manuel Ferreira Pedras, na altura pastor da Missão de Etunda na província do Huambo. Desde 1966, participou na abertura de várias convenções provinciais e igrejas ao nível do país. 

Foi ordenado ao ministério pastoral no dia 20 de junho de 1971. É o primeiro angolano a que presidiu a CBA, logo após a retirada dos portugueses de Angola. É até a data o mais antigo Pastor da CBA. 

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios