Media evangélica solicitada a dar maior cobertura as actividades do interior

O músico evangélico John Kanga, considerou no passado sábado, que a media evangélica “está se esforçando” para fazer um bom trabalho, mas observou, “ainda” não atingiu o nível desejado.

Músicos evangélicos assistiram a cerimónia de apresentação de mais um portal evangélico.

Músicos evangélicos assistiram a cerimónia de apresentação de mais um portal evangélico.

Para o artista, que falou ao Arautos da Fé a margem do lançamento de um novo portal, facto positivo é que assuntos que antes eram dominados por membros de uma denominação, hoje podem ser conhecidos por muitas pessoas.

Kanga, disse que gostaria  de ver mais divulgado “com maior excelência” pelos média “tudo quanto tem haver com o Evangelho”.

John Kanga

John Kanga

Emanuel Coupastor, integrante do grupo Filhos do Ngana,  referiu que a media evangélica “tem feito um bom papel, tem fortalecido e engrandecido os trabalhos tanto para músicos e não só”.

Para ele, nessa fase em que o governo está a encerrar igrejas, o foco da média devia ser este. “Nessa altura poderíamos parar de olhar nas placas denominacionais, no particular e em alguns feitos de algumas instituições ou pessoas particulares como músicos e olharmos para o bem, para a saúde da Igreja angolana que eu acho que está a ser perseguida pelo governo.”

Quanto a abrangência, Coupastor lamentou que Luanda ainda continua a ser mais privilegiada em detrimento de outras províncias.

“Conheço algumas províncias de Angola, me lembro que em 2014 o Hino Sanumbila esteve comigo numa actividade em Benguela no campo da lixeira e ele reclamou isso, que Luanda pensa que tudo de bom sai de lá.”

O músico GV Abençoado, da Huila, ilustrou, tornou-se conhecido porque passa na televisão de Luanda e não na do Lubango. “Ele vem aqui em Luanda e pública posta as coisas dele”. Referiu.

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios