Jovens checam celulares mais de 85 vezes por dia, diz pesquisa

Em casa ou no trabalho, a tecnologia está cada vez mais presente nas nossas vidas. Muitas pessoas, e principalmente os jovens, chegam a passar diversas horas olhando para as telas dos smartphones, tablets ou computadores, por conta de assuntos profissionais ou apenas para o uso das redes sociais. Entretanto, o uso em excesso dessas tecnologias podem trazer problemas sérios aos nossos olhos. internet-group-1

A Universidade de Notthingham, na Inglaterra, realizou um estudo com jovens entre 18 e 33 anos para descobrir quantas horas os usuários passavam navegando na internet e o resultado foi surpreendente. As pessoas que participaram do estudo pegaram o celular mais de 85 vezes, o que corresponde a um total de mais de cinco horas com os olhos fixados à uma tela, causando um grande impacto na saúde ocular. 

Segundo o Oftalmologista e Professor da Emescam, Bruno Valbon, o principal alerta das consequências do uso frequente dos smartphones e outros aparelhos eletrónicos se deve ao fato de que ao usar os dispositivos, o usuário pisca muito menos, causando a não lubrificação dos olhos, o que, por sua vez, pode colaborar para o surgimento de patologias oculares, como a Síndrome do Olho Seco. 

“É importante sempre tentar piscar os olhos com mais frequência ao usar os smartphones, pois o uso frequente das tecnologias pode levar à Síndrome da Disfunção Lacrimal ou Olho Seco, que pode provocar inflamação na córnea, que por sua vez, leva a baixa qualidade de visão, atrapalhando as actividades diárias”, explica o médico.

Dicas importantes:

A consulta com o oftalmologista é de fundamental importância para a prevenção, diagnóstico e tratamento de doenças oculares;

Pause o uso da tecnologia por algum tempo, 10 min a cada hora de uso;

Lembre de picar ao usar os recursos tecnológicos, isso faz com que você proteja a superfície ocular. Somente utilize colírio prescrito pelo Oftalmologista.

Fonte: ESHOJE

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios