Evento de spoken word reúne vários rappers em Viana

Bruno de Jesus, Smart music, Kainos, DK, Quarteto, Microprofecia, Zuela, elicinn

Número de artistas que fazem spoken word tem crescido. (Foto: Jaime Chiquito)

A Igreja Mão do Oleiro Comunidade Mente de Cristo, realizou, ontem, em Viana, uma “Festa hip hope gospel – especial spoken word” que contou com a presença de vários rappers gospel. 

Sérgio Pinto, responsável pelo evento, disse ao portal Arautos da Fé que a iniciativa surgiu há cerca de 15 dias, após convite do músico Microprofecia para encontro spoken word na rua. “O irmãos, os jovens, querem estar juntos, querem partilhar a Palavra. Quando vi que aquilo era possível, tive a ideia de transferir para a nossa comunidade, que é a própria casa da minha mãe”.

Sérgio, explicou que já estão agendado outros evento do gênero. “Tem um para breve, depois em Maio terá outro e logo a seguir, a comunidade Mente de Cristo vai se organizar mais, porque a ideia é atrair os jovens, os jovens gostam de Rap e o Rap tem essa força. E é sempre bom estar juntos e unidos em torno de Cristo.” 

Sérgio Pinto

Sérgio Pinto, promotor do evento.  (Foto: Jaime Chiquito)

“Conforme o querido irmão Microprofecia tem dito, a ideia com o spoken word é andar por Angola, Luanda toda numa primeira iniciativa. E o Rap, essas nossas reuniões não fogem a mesma ideia, o mesmo conceito que é andarmos por todos os cantos de Luanda. Outro dia estava a falar com os queridos irmãos para termos a ousadia de irmos inclusive para outras provinciais mesmo sem contactos para nos receber, mas irmos, inclusive para outros países começando por África.”

Aos rappers gospel, Sérgio Pinto deixou um apelo: Primeiro para passarem a acreditar que existem irmãos como eles. Eles não estão isolados, não estão sozinhos. Existe uma comunidade enorme, existem muitos irmãos como eles e prontos para se juntar à eles. As vezes, a grande dificuldade está mesmo nas nossas Igrejas, onde não encontramos apoio. Se eles não encontram apoios nos sítios onde se encontram, existe um Microprofecia, um Progenitor, um Zuela de Jesus, um Sérgio Pinto, disponível para lhes abraçar e com eles partilhar o mesmo Rap gospel.

Evento congregou vários artistas. (Foto: Jaime Chiquito)

Evento congregou vários artistas. (Foto: Jaime Chiquito)

Spoken word já reúne muitos gente

O músico Microprofecia, que também tem realizado eventos de spoken word, disse que o movimento está a crescer. “Está a ter muitos fazedores, por exemplo Jojó Mwndundy, sebem que está muito mais inclinado para a poesia. O spoken word é mais fácil para o rappers e graças a Deus, muitos no meu bairro estão a aderir e pela graça de Deus estamos a ser uma influência.”

O músico explicou que a expressão inglesa spoken word significa palavras faladas. “Essas palavras são faladas com ritmos e abrange rimas.” O spoken word, acrescentou, faz parte da vertente hip hope. Nasceu na América e um dos países que mais tem feito é o Brasil. Na América o movimento é liderado pelos evangélicos. 

Grupo Aliança Evangélica

Grupo Aliança Evangélica. (Foto: Jaime Chiquito)

Microprofecia realiza quinzenalmente no largo do Cine São João, um evento de spoken word e o próximo, segundo fez saber, será realizado no dia 14 de Abril e no 13 de Maio realizará um recital de poesia no Praise Art.

“Estamos a pensar realizar um spoken word no largo da Samba em Maio. Lá tem muita movimentação e é uma maneira de ganharmos mais almas.”
O rap está a melhor

Ao portal Arautos da Fé, o músico Progenitor, disse que o rap “já esteve de má saúde”, mas que agora “está a melhorar”.

A falta de abertura de algumas igrejas à este estilo musical é uma preocupação que o músico acredita que ficará ultrapassada em breve. “Algumas já dão uma abertura e há outras que continuam meio fechadas, mas com o tempo tudo vai dar certo, nós cremos nisso.”

Quanto a participação feminina nesse estilo, Progenitor afirmou que já existe mais de 10 mulheres que se destacam e apontou alguns nomes como de Jessica Fontoura, As Makassi e Londa Sabino. 

Microprofecia e Progenitor. (Foto: Jaime Chiquito)

Microprofecia e Progenitor. (Foto: Jaime Chiquito)

Quanto aos eventos de rap gospel, disse haverem ainda poucos de grande dimensão. “Graças a Deus teremos um evento no dia 12 de Maio, a partir da 15 horas na LAASP, que vai ser maior do que o de hoje e o do dia 4. Esse projecto que vamos fazer na LAASP, a intenção é levar as 18 províncias de Angola.”

Dentre os convidados para o evento da LAASP, que será de aproximadamente 3 horas, anunciou os nomes de Microprofecia, Overdose, Hall Dee, Bruno de Jesus, Zuela de Jesus, Elicinn, Smartmusic, Malconjunior.

Sobre a visão que têm os rappers da música gospel em Angola, Progenitor disse “estamos a aprender a apreciar outros estilos, porque há muitos que antes de se converterem só ouviam rap e depois de se converterem estão a aprender a ouvir outros estilos. Estamos a crescer, tanto no rap como nos outros estilos.”

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios