CCB acolheu concerto solidário para apoiar crianças seropositivas

Um concerto solidário, alusivo ao 40º aniversário do jornalista Fernando Metusal, juntou ontem, no Centro de Conferências de Belas em Luanda, várias individualidades.

Grupo infantil HBC participou no evento. (Foto: Luzeiro Gospel)

Grupo infantil HBC participou no evento. (Foto: Luzeiro Gospel)

Em declarações ao portal Arautos da Fé, o músico Virgílio Gonçalo responsável do grupo ANGOSPEL, destacou o facto de Fernando Metusal celebrar o seu aniversário com o desejo de querer ajudar pessoas que precisam. “Não ficámos não estáticos e abraçamos (o projecto)”.

Aos músicos que não atendem os convites para cantarem em actividades solidárias, lembrou que os artistas gospel têm um foco: “evangelizar”.

A cantora Cutana Carvalho, disse ser importante que os músicos gospel apoiem causas solidárias e apontou a Bíblia, que recomenda a amar o próximo.

“O amor que mostramos, não deve ser parcial”, exortou e explicou que participou na actividade porque se reviu nos seus objectivos. 

Fernando Metusal (2ª Pessoa da Esq à Dir). Foto: Luzeiro Gospel

Fernando Metusal (2ª Pessoa da Esq à Dir). Foto: Luzeiro Gospel

No final do evento, Fernando Metusal, agradeceu a presença dos músicos, informou que na última da hora, surgiram músicos que queriam cantar mesmo não estando no programa e que a organização acolheu com satisfação essas manifestações de “amor ao próximo”.

“É pena, escolhemos esta sala do CCB, se enchesse…, mas, acho que as pessoas estão a perder o amor ao próximo. Temos uma sala de 3.000 pessoas, aproximadamente 900 pessoas (vieram), e não é bom, isto demonstra que o angolano precisa cultivar mais o amor, desabafou.

A actividade estava marcada para as 13 horas e começou pouco depois das 15, o que segundo Metusal, inviabilizou a transmissão em directo do concerto, que já estava combinada com televisões. “Pelo atraso tudo complicou e anularam a emissão.”

Segundo o jornalista, o horário deveu-se em parte ao facto de “muitos” viverem em zonas distantes como Cacuaco, Sequele, Viana. “Hoje a cidade está muito violenta, queríamos que o evento fosse de dia. Possibilitaria ter a actividade mais cedo e as pessoas voltarem em suas casas cedo.”

Além de recolher donativos para apoiar crianças seropositivas do centro de acolhimento BJC no Zango, o concerto serviu para agradecer a Deus por ter saído ileso de um sequestro no ano passado.

Participaram no evento várias referências da música gospel.

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios