Sexo: o preço da ambição desmedida

sexo

Alguns “homens de Deus” desviaram-se dos seus propósitos

Gravar CD e alcançar a fama tem sido o maior sonho/pesadelo de alguns cristãos que preteriram a sua missão principal, trazer almas para Cristo. 

Proclamados “homens e mulheres de Deus”, alguns e algumas tiveram um inicio de carreira brilhante e inspirador no coral da Igreja, mas acabaram encontrando caminhos curtos para concretizarem seus intentos.

Alguns “homens de Deus” até alcançaram a fama por mérito próprio, mas falharam na hora de fazer a gestão da mesma. Deixaram-se corromper pelas paixões mundanas, que rodeiam o mundo de muitos famosos seculares.

Zombam da fé dos inocentes, como desabafou certo amigo, quando conversamos a sobre os “bastidores” da fama.

A semelhança do que acontece no meio secular, há mulheres “cristãs” que se deitam com produtores, organizadores de eventos, patrocinadores e até músicos para conseguirem alcançar seus propósitos.

Pior, disse o meu amigo, pastores há que também vão para a cama com aquelas a quem prometeram ser pais na fé.

Que cristianismo é esse e onde vai nos levar, é a pergunta que me gostaria de responder ao meu amigo num próximo encontro.

Mulheres a trocarem o corpo por um microfone na mão e homens sem escrúpulos a usarem o nome de Deus, zombando da fé do Santo povo de Deus, justifica bem o estado actual da sociedade dita cristã em que vivemos.

Precisamos reflectir seriamente nesse testemunho que estamos a dar a sociedade.

Comentários

comentários

Gil Lucamba

Jornalista, Consultor/Gestor de Mídias Sociais. Fundador do portal de notícias Arautos da Fé.

Mais Artigos - Website

Artigos relacionados

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios