Colocam de parte seu papel – músicos estão mais preocupados em “aparecer”

O papel do músico gospel na sociedade, tem sido objecto de acesas discussões. 

Músico evangélico Rosário Serrote

Músico evangélico Rosário Serrote

Segundo Rosário Serrote, o músico gospel tem tem um papel “muito importante” na sociedade. “Somos chamados a pregar o Evangelho através da música, resgatar os valores perdidos, também aproximar-se das pessoas que precisam do nosso carinho e do nosso abraço”.

Apesar do papel estar bem definido, Rosário, afirma que os músicos não têm estado a cumprir este que é o “verdadeiro papel do músico gospel”.

“Nós os músicos, estamos mais preocupados em gravar uma música e depois aparecer. Todo mundo quer ter fama.”

Um músico, recordou, é um pregador. “É um pastor porque ele leva a mensagem. O nosso objectivo é evangelizar, trazer almas através do louvor. E a nossa preocupação maior não tem sido trazer almas para Cristo, todo mundo quer estar no top”, lamentou.

Rosário Serrote que tem a sua carreira musical associada a vários projectos sociais, entende que é necessário “trabalhar muito” para que os músicos conheçam o seu papel.

 

Perfil

Rosário Serrote, nasceu e creceu na Igreja Metodista Unida, em Malange. Veio a Luanda em busca de uma vida melhor, por altura do conflito armado.

Certo dia foi convidado para assistir um culto na Igreja Anglicana, situada no municipio de Viana. Meses depois, filiou-se àquela instituiçao religiosa, onde chegou a formar um grupo coral, com o qual fez alguns trabalhos e participou em vários projectos de outros músicos.

Agora preocupado com o futuro, o jovem artista tem apostado na capacitação de vários grupos corais. Ensina o canto, a tocar guitarra e outros instrumentos.

Lançou em 2014, o seu primeiro CD intitulado “Um só Desus”, que conta com 14 faixa musicas, todas de sua autoria.  Deseja em breve voltar ao estúdio para gravar um Max Single.

Dedicado a causas solidárias, Rosário Serrote, é o mentor do projecto solidário “Ilumina um coração”, que tem o objectivo de ajudar o próximo. Sonha construir um lar de acolhimento e tem fé que “isso vai se concretizar”.

Recentemente realizou um concerto -que teve a casa lotada- com objectivo de angariar bens de primeira necessidade para ajudar pessoas carentes do município de Viana. 

 

Comentários

comentários

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Inscreva-se para receber as novidades por email

* campos obrigatórios